Instituto da Criança desenvolve programa para fortalecer empreendedores sociais

O empreendedor social é movido pelo sentimento de urgência, fortalece o coletivo com atitude diferenciada e se destaca por não temer o desafio de transformar vidas. Pensando nisso, com o objetivo de promover o desenvolvimento pessoal e profissional do empreendedor social, que já atua por meio da rede integrada do Instituto da Criança, potencializando resultados sociais em seu âmbito de atuação, o Instituto da Criança – IC –  criou o PRODES – Programa de Desenvolvimento de Empreendedores Sociais. A abertura do Programa foi realizada no dia 22 de abril com os 6 empreendedores sociais que participarão da primeira edição.

Serão encontros virtuais, considerando 1 hora e meia durante 8 semanas. Os temas serão conduzidos por profissionais conforme área de atuação, sendo voluntários do IC, abordando conteúdo e coordenando a interação entre os empreendedores durante as sessões. Ao final da edição, o empreendedor social fará a avaliação do Programa, pontuando os resultados alcançados e reportando feedback sobre a iniciativa. 

O PRODES abordará diversas temáticas, como: Inteligência Emocional, Gestão do Tempo, Comunicação, Desenvolvimento Profissional, Finanças Pessoais, além de Liderança/Gestão. 

Para Pedro Werneck, presidente do IC, os empreendedores sociais são pessoas comuns com capacidade maior de agir: “O empreendedor social é aquele que, no ambiente hostil ao desenvolvimento humano, vê o que todos veem, sente a vontade agir como todos sentem, porém difere-se por avançar construindo soluções, independente das dificuldades”, destaca.